Heterocromia: de onde vêm os olhos coloridos e diferentes?

Pressão ocular: entenda como ela acontece.
6 de dezembro de 2019
Indo para a praia? Veja agora alguns cuidados básicos com os olhos!
20 de dezembro de 2019

Heterocromia: de onde vêm os olhos coloridos e diferentes?

Você já se deparou com uma pessoa que possui um olho de cada cor? 

Esse é um fenômeno natural que é mais comum em cães e gatos, entretanto, ele também pode afetar os seres humanos e chama atenção por onde passa. Vamos saber mais sobre ele e como isso pode acontecer? 

Os tipos de heterocromia: 

Os casos onde a pessoa tem o olho direito com cor diferente do olho esquerdo são geralmente os mais associados à heterocromia, e este é o tipo completo, porém ainda existem dois outros tipos que também mesclam mais de uma cor de olho. São eles: 

Central: em pacientes com heterocromia central, ambos os olhos ganham uma cor diferente das beiradas da íris ao centro, formando uma espécie de anel colorido em volta da pupila. 

Setorial: nestes casos de heterocromia, apenas uma parte de um dos olhos tem a sua cor alterada. Por exemplo, a pessoa pode nascer com os olhos azuis, mas um deles ganha uma metade de outra cor, verde ou castanho. 

As causas da heterocormia: 

Sendo uma rara condição dos seres humanos, a heterocromia pode derivar de três causas diferentes, como heranças genéticas, onde a variedade na cor dos olhos passa de pais ou avós para seus filhos ou netos, como consequência de lesões ocularesonde o olho muda de cor após uma pancada, e por fim, o quadro de heterocromia pode ser resultado de alguma síndrome portada pelo indivíduo. 

Legal né? E além disso, a heterocromia dispensa tratamento, por não afetar o modo como o portador enxerga! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *