Astigmatismo: sintomas, diagnóstico e tratamento
6 de agosto de 2018
Cirurgia a laser: benefícios e equipamentos
24 de agosto de 2018

10 mitos sobre a saúde dos olhos

10 mitos sobre a saúde dos olhos

Terçol é curado com objetos quentes? Usar colírios frequentemente pode me fazer mal? Essas são algumas das inúmeras dúvidas que surgem a partir de mitos sobre a saúde ocular.

Todo mundo tem uma amiga, um tio ou um avô com aquelas receitinhas “infalíveis” para nossos problemas oculares. Porém, muitas dessas dicas não são válidas e até podem prejudicar ainda mais a situação. O mesmo é válido para as preocupações que alguns antigos têm. Nem todas são inválidas, mas a maioria delas não tem fundamento científico.

Separamos 10 desses mitos para você tirar suas dúvidas de uma vez por todas:

 

1. Terçol melhora com moeda ou anel quente;

Esse mito, provavelmente, você já testou ou conhece alguém que tenha testado. É verdade sim que compressas mornas amenizam as dores do terçol (popularmente conhecido como viúvo). Porém, aplicar anéis ou moedas quentes pode aumentar o inchaço, introduzir mais bactérias no olho e, dependendo da temperatura, queimar as pálpebras. O correto é procurar o seu médico oftalmologista para tratamento adequado.

 

2. Usar colírios frequentemente faz bem;

Apesar de parecerem inofensivos, colírios são medicamentos tão poderosos quanto os outros remédios que você vê na farmácia. Cada um possui uma fórmula específica e com objetivos distintos. Se você espera que o colírio limpe seus olhos, acredite: suas lágrimas são bem mais inofensivas, além de serem totalmente naturais e limparem perfeitamente seus olhos. Lembre-se: colírio somente com prescrição médica.

 

3. Ver TV deitado prejudica os olhos;

Não faz mal, mas também não faz bem. Assistir televisão deitado força seus olhos a ficar em uma posição que não a centralizada. Isso vai acabar causando um certo cansaço em sua vista, pois você precisará sempre direcionar o seu olho para o local em que a TV está. Mas não significa que tratá problemas oculares para você, somente algum incômodo momentâneo.

 

4. Os óculos de grau precisam ser trocados todos os anos;

Mito! Você não precisa necessariamente trocar todos os anos os seus óculos, a não ser que o oftalmologista perceba alguma alteração e recomende a troca. O grau pode variar de ano para ano ou estabilizar, não sendo mais necessário alterar as lentes.

5. Preciso visitar o oftalmologista somente quando vou trocar o grau dos meus óculos;

Vamos aproveitar o gancho do mito anterior e falar sobre a visita ao oftalmologista. Muitos pacientes acreditam que o oftalmologista só deve ser consultado quando há a necessidade da troca dos óculos de grau. O que é uma inverdade completa! O oftalmo deve ser visitado regularmente para averiguar e prevenir várias outras complicações oculares. Consultar um especialista e cuidar dos seus olhos é essencial para uma excelente visão.

 

6. A camomila pode ser usada como remédio caseiro para os olhos;

Apesar da camomila ser muito conhecida pelo seu efeito relaxante, recentes estudos não recomendam sua aplicação nos olhos. Isso porque ela atua de forma secante, deixando os olhos ressecados, podendo trazer mais incômodos.

 

7. Dormir com maquiagem prejudica a pele, mas não os olhos;

Os olhos são órgão extremamente sensíveis. Não retirar a maquiagem durante a noite pode fazer com que alguma partícula dos cosméticos cause irritações nos olhos. O correto é remover toda a maquiagem antes de se deitar.

 

8. Ler em um veículo em movimento descola a retina;

Apesar desta afirmação ser um mito, não recomendamos que você faça sua leitura em um veículo em movimento, como ônibus ou carros. Essa atitude pode trazer inúmeros desconfortos como sensação de mal-estar, náuseas, dor de cabeça e desconforto geral pelo esforço de manter-se focado no texto.

 

9. Pingar leite materno nos olhos do bebê ajuda a melhorar a conjuntivite;

A amamentação é essencial para o fortalecimento e o desenvolvimento do bebê. Apesar de suas propriedades imunológicas serem riquíssimas, o leite materno não é eficaz no tratamento da conjuntivite. Procure seu médico oftalmologista em caso de suspeita para o tratamento adequado!

 

10. Catarata é uma doença exclusivamente hereditária.

Mito! A catarata é sim uma doença hereditária, mas ela também pode aparecer sem que exista nenhum caso da família. Isso porque ela aparece por conta do avançar da idade ao envelhecimento do cristalino. Apesar da catarata senil ser a mais comum, existem outras causas de catarata em adultos, como a diabetes, traumas oculares, tabagismo e alcoolismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *